Língua:

News

Oficina sobre planos de negócios sustentáveis na Amazônia brasileira

Planos de Negócios Sustentáveis para Produtos da Sociobiodiversidade
Participantes da oficina realizando um trabalho de grupo.

A Conservação Estratégica (CSF-Brasil) conduziu a oficina sobre planos de negócios sustentáveis para produtos da sociobiodiversidade com o objetivo de abrir um espaço de diálogo sobre possíveis formas de apoio ao desenvolvimento de negócios sustentáveis e fortalecimento de suas cadeias produtivas na Amazônia brasileira.

Estiveram presentes 12 representantes de instituições que atuam nesta área, tais como a Fundação Avina, Fundação Amazonas Sustentável (FAS), Fundação Vitória Amazônica (FVA), Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa), Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio), Instituto de Desenvolvimento Agropecuário e Florestal Sustentável do Estado do Amazonas (IDAM), Instituto de Conservação e Desenvolvimento Sustentável do Amazonas (Idesam), Instituto Internacional para Sustentabilidade (IIS), Instituto do Homem e Meio Ambiente da Amazônia (Imazon), Instituto de Pesquisa Ambiental da Amazônia (IPAM), Pacto das Águas e Rare.

A oficina propiciou uma rica troca de experiências práticas sobre a situação atual e os desafios destes negócios. O grupo discutiu sobre os gargalos - tais como a precária infraestrutura e o baixo acesso à informações de mercado, financiamentos, assim como à capacitações em boas práticas de produção e gestão - e possíveis caminhos para superá-los.

Planos de Negócios Sustentáveis para Produtos da Sociobiodiversidade
Participantes preparando a apresentação dos resultados do exercício.

A oficina também promoveu o desenvolvimento de partes de um plano de negócio para dois produtos: o berbigão (molusco marinho) beneficiado na Reserva Extrativista Pirajubaé, em Florianópolis, no estado de Santa Catarina, e a castanha-do-brasil desidratada na Reserva Extrativista Unini, no Amazonas. Em um primeiro momento, as questões operacionais, de mercado e financeiras foram analisadas pelos grupos de trabalho. Em seguida, foram geradas propostas e reflexões sobre estratégias de produção, organização e comercialização visando promover a sustentabilidade destas cadeias produtivas comunitárias.

Além disso, estamos elaborando um guia sobre a elaboração participativa de planos de negócios sustentáveis de produtos da sociobiodiversidade. Através esta publicação, estaremos compartilhando o conhecimento acumulado da CSF-Brasil sobre a estruturação de planos de negócios em conjunto com as comunidades tradicionais amazônicas, visando facilitar a replicação deste planos por outras instituições. Assim, a última etapa da oficina foi a sistematização das recomendações e propostas de melhoria dos participantes sobre este guia.

Esta iniciativa contou com o apoio das Fundações Skoll e Avina no âmbito do projeto "Conservação Biocultural na Floresta Amazônica: Prevenção do Desmatamento nos Corredores Etnoambientais Karib e Mondé-Kawahiba."

Crédito das fotografias: Marion Le Failler.