Língua:

News

Ecoaméricas cita o estudo de apoio à CSF

Ecoaméricas cita o estudo de apoio à CSF nas estradas da Floresta Maia. O estudo mostrou que novas estradas propostas em áreas remotas da floresta aumentariam a devastação florestal, provocariam incêndios e causariam perdas econômicas líquidas para a Guatemala e o México. Nas Américas, a Floresta Maia é a maior área intacta das florestas chuvosas ao norte do Amazonas. É o berço de uma impressionante biodiversidade, a maior das antigas ruínas das cidades maias e das prósperas economias florestais.

A CSF trabalhou com um grupo de estudantes da Guatemala e do México para analisar propostas de estradas que iriam cruzar de ponta a ponta as florestas nominalmente protegidas. Percebemos que além dos impactos ambientais típicos que as estradas podem causar às florestas tropicais, esses projetos específicos custariam muito mais do que renderiam em benefícios econômicos. Os grupos que participaram do estudo foram: Tropicoverde, Wildlife Conservation Society (Sociedade de Conservação da Vida Animal), Universidade Duke, Unidos para la Conservación e Pronatura Península de Yucatán. Foi oferecido apoio pela Conservation International e pelo Fundo de Participações dos Ecossistemas Críticos.

Citações da Ecoaméricas.