Língua:

Photo of yellow fishing boat on beach in Abrolhos

Monitoramento da Reserva Marinha de Abrolhos

Abrolhos literalmente significa “abridor de olhos”. O recife brasileiro de Abrolhos ganhou este nome devido às formações de corais únicas e porque suas águas rasas são frequentadas por um grande número de baleias “corcundas”. As peculiares cabeças de corais com o formato de cogumelos são em sua maioria compostas por espécies de corais existentes unicamente em Abrolhos. O alto grau de espécies endêmicas é resultado do total isolamento de Abrolhos de outros recifes de corais.

Ocean Economics - Gladden Spit, Belize

A CSF - Conservação Estratégica - está atualmente conduzindo pesquisas de avaliação econômica de áreas marinhas em Belize, no Panamá e no Brasil. Este trabalho é apoiado pelo programa Conservation International’s Marine Management Area Science Program e pela Gordon and Betty Moore Foundation. A avaliação de bens e serviços do ecossistema está sendo executada dentro de três áreas formalmente protegidas: Gladden Spit (Belize), Coiba (Panamá) e Abrolhos (Brasil).

Nosso trabalho de avaliação marinha em Belize irá qualificar e quantificar valores sociais e econômicos da Gladden Spit Marine Management Area (MMA). Determinaremos o valor econômico de ambientes naturais dentro do MMA sob as presentes condições e estimaremos valores futuros com cenários alternativos de gestão. No processo, visamos identificar métodos apropriados de pesquisa que serão repetidos ao longo do tempo e replicados em outros sítios marinhos. Será o primeiro estudo desse tipo em Belize.

O Belize Barrier Reef Reserve System foi declarado como uma herança mundial em 1996. A UNESCO fez a declaração porque “A área costeira de Belize é um importante sistema natural que consiste na maior barreira de recifes no hemisfério norte, atóis distantes da costa, várias centenas de bancos de areia, florestas de mangue, lagoas costeiras e estuários. Os sete sítios do sistema ilustram a história evolucionária de desenvolvimento de recifes e constituem um hábitat significativo para espécies ameaçadas, incluindo tartarugas marinhas, peixes-bois e o crocodilo marinho americano” (UNESCO, 2006). De fato, o Belize Barrier Reef (BBR) contribui com cerca de 30 por cento para o PIB de Belize, por meio de pescados comerciais (conchas e lagostas, os mais importantes entre eles), ecoturismo de alta qualidade e, mais recentemente, um grande crescimento de cruzeiros turísticos e vários investimentos do setor privado no desenvolvimento costeiro e aquicultura. Não obstante esses valores, o Belize Barrier Reef é ameçado por atividades humanas como o excesso de pesca, fluxo agrícola-químico e desenvolvimento costeiro. Essas ameaças estimularam muitas iniciativas de conservação por ONGs nacionais e internacionais que funcionam no país, incluindo a Nature Conservancy (TNC), Belize Audubon Society (BAS), World Resources Institute (WRI), the World Conservation Union (IUCN) e World Conservation Monitoring Centre (UNEP-WCMC). As fundações incluem a Summit Foundation, UNDP/GEF, a Oak Foundation e Earthwatch, entre outras.

Este trabalho será relevante para quatro grupos-alvo: aqueles que fazem políticas, gerentes de MMA [Ministério de Meio Ambiente], comunidades locais e acadêmicos. Este serão envolvidos desde o início, visando chegar a acordos sobre os objetivos e elaborar decisões-chave metodológicas e práticas, principalmente por meio de reuniões com Lindsay Garbutt, Coordenadora de Campo de Belize, e Venetia Allen, principal pesquisadora deste estudo na CSF. Comitês locais também serão mantidos atualizados com reuniões para relatório de progresso.

Economia no Oceano – Parque Nacional de Coiba, Panamá

A pesquisa de valorização marinha da CSF no Panamá focou-se nos benefícios provenientes do turismo e da pescaria nos arredores do Parque Nacional de Coiba, uma suntuosa ilha rodeada por recifes, que primordialmente serviu com uma remota colônia prisional. Nos ecossistemas do parque descobriu-se que este é responsável pela geração de mais de 325 postos de trabalhos, e mais, possui ainda um benefício de longo prazo de $20.5 milhões para pescaria, e $15.3 milhões no setor de turismo. Outra importante descoberta é o fato de que o parque não requer altos investimentos de infra-estrutura de visitação, a fim de atender as necessidades dos turistas.

Photo of a deep sea giant turtle swimming in clear tropical sea water.

Economia Oceânica – Coral de de Abrolhos, Brasil

O Fundo de Conservação Estratégica (CSF) atualmente está conduzindo uma pesquisa de avaliação econômica nas áreas marinhas em Belize, Panamá e Brasil. Esse trabalho está sendo apoiado pela Conservação Internacional (CI), como parte do Programa de Manejamento Marinho, na Área de Ciência. A valorização dos bens e serviços de ecossistemas está sendo executada formalmente em três áreas marinhas: Gladden Spit (Belize), Coiba (Panamá) e Abrolhos (Brasil).

Pagando para parques conservarem água: uma proposta para os Três Picos

Series number: 
3
Divulgar conteúdo